Um dia, Stefan deixou um pouco de café pingar em uma folha de papel. Olhando pra marca deixada, ele percebeu que ela parecia um pouco com um monstrinho, então ele adicionou alguns detalhes com caneta e pronto, lá estava o seu monstro.

Depois disso, ele decidiu repetir isso diariamente, como um exercício para a criatividade, e hoje já são quase 500 criaturinhas criadas, e o projeto acabou ficando muito popular.

É bem legal essa ideia de estabelecer uma meta de criação diária, principalmente para alguém que faça um trabalho que exija criação, e quando é algo que você se diverte fazendo. E nesse caso, não é só Stefan que se diverte, várias pessoas acompanham diariamente para conhecer os novos monstrinhos de cada dia, e a brincadeira virou fonte de renda, já que o artista vende as ilustrações (e com bastante procura).

Se quiser conhecer mais, é só visitar os links do projeto: Instagram / Facebookthecoffeemonsters.com

Via